Ministro da Educação discute pedir licença do cargo, diz siteO Antagonista

O ministro da Educação, Milton Ribeiro (foto), discutiu com Jair Bolsonaro, durante o fim de semana, a possibilidade de pedir licença do cargo, para se defender das acusações sobre o ‘bolsolão do MEC’, diz o Metrópoles.

Segundo o site, a ideia é apoiada pelo presidente.

Na semana passada, vazaram áudios em que Ribeiro admite que os repasses de recursos da pasta dão prioridade a aliados de dois pastores, que compõem uma espécie de “gabinete paralelo” do MEC. Eles são acusados de pedir propina em troca da liberação de recursos.

Victor Godoy Veiga, secretário-executivo da pasta, assumiria o posto de Ribeiro em caso de licença.