Júnior Araújo minimiza ação de Chico Mendes por conta de declaração: “É direito buscar justiça”PBAGORA

O deputado estadual Júnior Araújo (PSB) rebateu, durante entrevista nesta terça-feira (12), as recentes ameaças de ação judicial feitas pelo deputado Chico Mendes, após ser acusado de envolvimento com o Padre Egídio Carvalho. Araújo esclareceu que não identifica qualquer prática criminosa em suas declarações contra o líder do governo.

Chico Mendes, líder do governo na Assembleia Legislativa, havia anunciado a entrada com uma ação judicial contra Júnior Araújo, que o acusou de ligação com o Padre Egídio Carvalho, ex-diretor do Hospital Padre Zé e suposto coordenador de sua campanha em João Pessoa.

Em resposta, Júnior Araújo, filiado ao mesmo partido de Chico Mendes, manifestou que não teme intimidações e salientou que, ao analisar o código penal, não encontra base para configuração de crime. Contudo, o parlamentar reforçou o respeito ao direito das pessoas de buscar reparação quando se sentem prejudicadas.

“Continuo sem entender o suposto crime praticado. Viajando pelo código penal não consigo vislumbrar fato ou motivo para tal ato, mas é direito do cidadão buscar seus direitos quando sente-se prejudicado”, afirmou o deputado Júnior Araújo em sua resposta às acusações de Chico Mendes.

 

Redação